Pular para o conteúdo principal

Show do U2 360° no Brasil - Eu fui!

Você pode ter visto fotos do show do U2 em São Paulo, pode ter assistido ao show U2 360° ao vivo pelo Terra Sonora ou vídeos dele no Youtube. Pode, inclusive, ter encontrado o tal link para download do show U2 360° no Morumbi em 13/04/2011, que o Bono disse durante o show que estaria na internet - eu, particularmente, encontrei apenas alguns arquivos de áudio, cujo link disponibilizo adiante.

Se você, no entanto, não estava lá, possivelmente não tem a dimensão do que foi aquilo: a perfeição do som e imagens, o tremer do Morumbi lotado, a emoção de testemunhar a incrível presença de palco do Bono Vox a apenas alguns metros.

Coisa de outro mundo. Por isso, nada mais apropriado do que aquela fantástica estrutura de "transporte espacial" montada como palco para o espetáculo.

@melissaporai e eu


O show não está ganhando destaque aqui no Apenas Mulheres de Verdade por tudo o que foi falado acima, mas pela homenagem feita a uma grande mulher de verdade: Aung San Suu Kyi. Vencedora do Prêmio Nobel da Paz em 1991, ela representa para a Ásia, segundo o vocalista da banda, o que Nelson Mandela representa para a África.
Aung San Suu Kyi Foto: Wikimedia Commons
Depois de mais de 20 anos presa por lutar contra o regime militar na Birmânia, sua libertação no final do ano passado foi comemorada por Bono junto com as 90 mil pessoas presentes no estádio do Morumbi, apesar do cantor complementar que "dizer que ela está livre é exagero, porque seu país continua aprisionado".

Queremos que os cidadãos do mundo saibam que povo birmanês vêm sofrendo sob uma ditadura militar brutal de mais de meio século, durante a qual milhares de pessoas perderam suas vidas, milhares foram presas e milhares foram obrigados a fugir para salvar suas vidas, procurando refúgio em todo o mundo. Burma Democratic Concern

Certamente, a homenagem a Aung San Suu Kyi e outros prisioneiros políticos foi um dos momentos mais emocionantes do show, que figurará em minha memória junto com o trecho abaixo: quando os milhares de presentes no público foram reconhecidos como "lindas pessoas" que podem fazer diferença na luta pela justiça e paz, se trabalharmos uns com os outros como ONE (um, em inglês, representando a unicidade - minha música preferida).







Transcrição e tradução: 
As mesmas pessoas que marcharam pelos direitos civis nos Estados Unidos são as mesmas pessoas que protestaram contra o apartheid na África do Sul, que são as mesmas pessoas que trabalharam para a paz na Irlanda e são as mesmas pessoas que lutaram contra a escravidão por dívida no "Jubileu" do ano 2000, que são as mesmas pessoas lindas que eu vejo quando olho em volta deste lugar hoje à noite em 360 graus.
Nós somos aqueles povos. Nós somos a mesma pessoa. Porque nossas vozes foram ouvidas por milhões de nossos irmãos e irmãs que estão vivos graças ao milagre dos remédios da Aids e remédios contra a malária. Ahhhh! Eles serão os médicos, eles serão os enfermeiros, eles serão os cientistas que viverão para resolver grandes problemas. Sim, há muitos obstáculos. Claro, sempre há bloqueios de estradas no caminho da justiça. Mas Deus vai colocar um vento na nossa volta e uma estrada que vai em frente, se trabalharmos com os outros como UM ... UM! 

Se eu sou fã do U2? Não. Quase não sabia cantar nada. Mas isso não fez muita diferença. Valeu o sacrifício de dormir apenas duas horas após o show e, às 8h e 30min, já estar trabalhando em Brasília.

Só não digo que foi o melhor show da minha vida, porque quem me acompanha há mais tempo sabe da minha experiência com os New Kids on the Block em Nova York no ano passado. Incomparável, devido ao sentimento envolvido.

Mesmo não sendo fã, no show fica evidente porque o U2 é considerado por muitos a melhor banda do mundo. Isso se justifica tanto pela música, como pela performance, pela ideologia e pela sua relação com o público. Num dado momento, Bono falou sobre o quanto amam tocar no Brasil. Segundo ele, enquanto em outros lugares o U2 faz um show para a plateia, no Brasil é a plateia que dá um show para eles. Gracinha isso, né?

Para concluir, destaco mais um momento de sensibilidade: já no bis, o grupo nos convidou a elevar o pensamento para as pessoas amadas que já se foram e às famílias que perderam suas crianças na semana passada na tragédia da escola do Realengo, Rio de Janeiro. Se as luzes estivessem acesas, certeza que refletiriam dezenas de milhares de olhos marejados junto com os meus.

U2 baby.

Download show U2 360° - Morumbi - 13/04/2011 - clique aqui 




Comentários

  1. Buenas Ana,

    Espero que toda a adrenalina vivida tenha sido a recompensa por esta maratona..

    Bem que gostaria de um dia fazer isto... mas a motivação não me puxa para este tipo de evento. E
    sim eu vi o show pela internet..

    Abraço

    ResponderExcluir
  2. Inesquecivel, mais um show pra nossa colecao (apesar de que o outro foi NKOTB neh...).
    Bono Vox eh tudo de bom!!
    Desculpa a falta de acentuacao :)

    U2 baby

    ResponderExcluir
  3. Ana, gostei muito dos seus comentários.
    Eu saí do Rio para Sampa, e voltei no dia 14/04 de manhã bem cedo, pq precisava trabalhar. Valeu muito à pena!!! Tb não sabia cantar todas as músicas, mas dancei muito, achei lindo o show, fui de pista e fiquei bem próxma do palco.
    Mas valeu muito!!! BJs.

    ResponderExcluir
  4. olá!!! tb estive no show em 10/04!!
    estava procurando ha um bom tempo a tradução do que o Mandela havia dito para rememorar mas não encontrava... obrigada!!!!!
    também havia uma equipe abordando os fãs para colher assinaturas pela causa do U2 no Brasil - em prol da defesa dos territórios indígenas e dos miseráveis... cada vez mais sou fã daquele pessoal... muito bom!!
    para quem quiser visitar o site: www.amnesty.org/U2

    Aline (arcmaciel@yahoo.com.br)

    ResponderExcluir
  5. Ana,

    Realmente só quem assistiu sabe como foi emocionante estar lá. Fiquei na pista na frente da red zone uns 3 metros do palco a emoção foi única em toda minha vida. Sem dúvida nenhuma foi um dos melhores dias da minha vida. Passei todo o show sem acreditar que estava tão perto do palco, dava p/ ver os detalhes das roupas. O suor no rosto do Bono me fez notar que ele é real rsrs e que tudo estava acontecendo de verdade.
    Quem não estava lá não sabe que antes do show estava um sol escaldante e que depois choveu muito. O corpo cansado recebeu vida nova quando o show começou e a paz e serenidade tomou conta de todos.
    Futuramente quem tiver oportunidades veja e sinta essa banda maravilhosa!!!!!

    ResponderExcluir
  6. nunca estive presente num show do U2, espero muito realizar este desejo... Mas enquanto isso não acontece por favor envie mensagem,fotos,videos,depoimento em fim qualquer material relacionado a banda p mim, eu precizo me sentir cada vez mais vivo,meu end:clauiorj2014@live.com por favor,valeu amo voçes estamos juntos.

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Comentários dos leitores e leitoras são muito bem-vindos, pois enriquecem o blog com diferentes pontos de vista e relatos de experiências.
Mas estejam atentos às regras básicas de ética e boa convivência. Comentários em desacordo com elas ou que fujam ao tema do post poderão não ser aceitos.

Postagens mais visitadas deste blog

Medo de barata - transtorno sexual ou alergia?

Ver uma pessoa gritando diante de um inseto de cinco centímetros que não morde nem ataca seres humanos pode parecer irracional. O que muitos não sabem é que existem teorias que explicam o medo de barata, que acomete principalmente mulheres (mas também alguns homens).


O medoDe modo geral, ter medo é natural e até uma questão de sobrevivência. Por exemplo, o medo que nos leva a dirigir com as janelas do carro fechadas e a estarmos atentos à nossa volta ao pararmos na sinaleira pode evitar que sejamos pegos desprevenidos por um assaltante. No entanto, alguns medos podem prejudicar-nos em muitos aspectos de nossas vidas, como aqueles que se transformam em fobias.


Este post sobre o medo de barata é o primeiro de uma série de três. Na sequência dele, falaremos ainda sobre o enfrentamento de medos, como o medo de voar de avião e o medo de fazer exame de sangue. Compartilharemos também algumas dicas para perder o medo, que podem servir para qualquer tipo deles.

Medo de barata
Confesso a vocês qu…

A difícil tarefa de educar uma criança

Antes de eu ser mãe, as pessoas costumavam invalidar minhas opiniões sobre a educação de crianças - mesmo eu sendo pedagoga, ou seja, formada em Educação. Isso não valia para elas, pois teoria é teoria e prática é prática. Também não era válido o meu longo histórico de ótimo relacionamento com crianças, porque cuidar dos filhos dos outros não é educar. 

Pois bem, em parte elas tinham razão: "quem fala de sangue, e não está sangrando, é um impostor", já dizia Fernando Sabino. Em partes. Porque, agora que eu sou mãe, não só acredito nas mesmas coisas como também vejo-as reforçadas na prática. O que quer dizer que, mesmo não tendo passado pela experiência da maternidade anteriormente, as minhas vivências, a minha sensibilidade e o meu estudo tornaram-me apta para formar algumas ideias sobre o assunto. 
Se eu sei tudo sobre como educar uma criança? Se eu faço tudo certinho como mãe? Obviamente que não. Mas, como a maior parte das mães, eu tenho sempre a melhor das intenções. ;)

Encantos e perigos de um homem histérico

Eros quando solteiro foge diante de um possível relacionamento profundo. Mas gosta de manter uma mulher apaixonada sem assumi-la (pela necessidade da certeza de ser amado). Eros histérico continua freneticamente seu jogo de sedução, porém, finalizada a sedução ele não sabe mais o que fazer, ali entra em territórios desconhecidos. Evita um vínculo mais sólido porque seria deparar-se com a sua impotência diante de algo ou de uma situação e dessa forma fica evidenciado aquilo que poderia ter sido e não foi: o verdadeiro homem.
Toda mulher com uma relativa experiência afetiva é capaz de reconhecer perfis de homens com os quais se deve estar alerta. É quase como se uma luz piscasse com o texto: "Perigo! Mantenha distância".  Apesar disso, não raro envolvem-se com eles mesmo assim e saem chorando no final.
Dentre esses perfis evitáveis que simplesmente não conseguimos evitar, está o que a Senhorita Patinete chama de  Heros histérico. Hoje entenderemos melhor como funciona esse tal…